É a área que tem como missão promover a melhoria contínua na prestação de serviço aos clientes e potenciais clientes, sendo estes particulares e empresas. O referido departamento foi criado com o objectivo de:

  • Atender as inquietações dos clientes que tenham vivenciado uma má experiência ou uma situação desagradável com os produtos ou serviços prestados pelo Banco;
  • Assegurar o tratamento célere das reclamações dentro dos prazos previstos pelo Banco Nacional de Angola (BNA);
  • Estreitar as relações com os clientes.
  • Como posso reclamar?

    Poderá apresentar a sua reclamação através dos seguintes canais:

    • Endereço electrónico (reclamacoes@bancobai.ao);
    • Página institucional (www.bancobai.ao);
    • Centro de contacto: +244 924 100 100;
    • Linha de atendimento do Whatsapp: +244 924 100 100;
    • Balcão, mediante o preenchimento da Ficha de Sugestão e Reclamação;
    • Carta, dirigindo-se aos balcões ou na sede do BAI, situada no Complexo Garden Towers, Travessa Ho Chi Min, Maianga, C.P 6022, Luanda-Angola, ao cuidado do Departamento de Atenção ao Cliente.
  • Quais são as fases de tratamento da reclamação?

  • Qual é o tempo de resposta à reclamação?

    Os prazos de resposta à reclamação estão regulamentados no art.º 23 do Aviso N.º 12/16, de 5 de Setembro do BNA, e aplicam-se da seguinte forma:

    • Quando envolve apenas uma instituição: 20 (vinte) dias;
    • Quando envolve duas ou mais instituições estabelecidas em Angola: 30 (trinta) dias;
    • Quando envolve uma ou mais instituições não estabelecidas em Angola: 60 (sessenta) dias.
    • Em situações complexas onde não seja possível cumprir com os prazos acima indicados o banco notificará o cliente dentro do prazo acima descrito, dando um ponto de situação e justificando o atraso na resposta.
    • Informamos que o cliente pode ainda apresentar a sua reclamação directamente ao BNA ou fazer recurso à página http://www.provedoriadoclientebancario.bna.ao/.
  • Pretende reclamar?

    Queira por favor encontrar o formulário de reclamação aqui