Nunca foi tão fácil comprar um carro.

O Crédito Automóvel BAI destina-se à aquisição de veículos novos comercializados por concessionários autorizados pelo Ministério dos Transportes.

Nota: O veículo é propriedade do Cliente com reserva de propriedade a favor do Banco enquanto existirem prestações ou rendas a amortizar.

Benefícios Associados

  • Facilidade na aquisição de veículo novo para utilização pessoal.

Taxa de Esforço

  • Não superior a 35%.

Prazo e Forma de Reembolso

a) O prazo de reembolso do capital mais os juros é de até 36 (trinta e seis) meses;

b) O Banco procederá ao débito das prestações mensais de capital e juros, directamente na conta salário do mutuário, de acordo com a autorização de débito por si concedida no respectivo Contrato, no mesmo dia ou no 1º dia útil após transferência efectuada pela entidade empregadora da remuneração para a referida conta.

Formalização

a) Contrato de Crédito Automóvel reconhecido em Notário.

O Contrato celebrado entre o Banco e o Mutuário manter-se-á válido independentemente da cessação do contrato de trabalho entre o Mutuário e a entidade empregadora que emitiu a Declaração de Consignação de Salário.

Documentação

  • Carta de solicitação de crédito;
  • Factura pró-forma do veículo;
  • Declaração de Consignação de Salário;
  • Fotocópia dos 3 (três) últimos recibos de salário;
  • Fotocópia do bilhete de identidade;
  • Fotocópia do cartão de contribuinte;
  • Atestado de residência actualizado ou Declaração de Confirmação de Morada;
  • Apólice de seguro com validade mínima de 1 (um) ano, renovável obrigatoriamente com as seguintes condições:
    • Responsabilidade civil;
    • Danos próprios;
    • O capital seguro deverá ser, obrigatoriamente, efectuado pelo valor da venda da factura confirmada pelos depósitos efectuados na conta do concessionário ou da avaliação pela seguradora seleccionada pelo BAI;
    • Direitos ressalvados pelo BAI.

Nota:

a) Em caso de comparticipação do cônjuge na responsabilidade com o Banco, é obrigatório a apresentação da seguinte documentação:

  • Declaração de consentimento do cônjuge;
  • Certidão de casamento ou Declaração de união de facto;
  • Declaração de rendimentos;
  • Fotocópia do bilhete de identidade;
  • Fotocópia do cartão de contribuinte.

b) A Declaração de Confirmação da Morada deve ser preenchida somente se:

  • O Cliente não apresentar o comprovativo da morada actual (atestado de residência, factura de água, luz ou telefone);
  • A morada indicada no documento de identificação não corresponder à morada actual do Cliente. 

c) Anexar a cópia do documento de identificação e comprovativo de residência do declarante à Declaração de Confirmação da Morada;

d) O Balcão deve adicionar a Ficha de Abertura de Conta actualizada ao processo de crédito.

Para mais informações contacte o seu balcão de domiciliação de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 15h00.


Veja mais produtos em destaque