Segundo o relatório da OPEP, Monthly Oil Market Report, a produção petrolífera em Angola caiu, em Março, para 1,614 milhões bbl/d, correspondendo a uma ligeira redução na ordem dos 18,7 mil barris/dia face ao mês de Fevereiro, quando a produção total situava-se nos 1,633 milhões/dia. Esta queda de produção em Angola, combinada com a redução na Líbia, Emirados Árabes Unidos, Irão e na Venezuela impulsionaram negativamente a produção total da OPEP em Março. Em África, Angola manteve-se como maior produtor da África Subsariana, à frente da Nigéria, cuja produção em Setembro cifrou-se nos 1,545 milhões de barris/dia. Em termos de participação no fornecimento de petróleo à China, Angola esteve na segunda posição (14%), antecidida pela Arábia Saudita (15%).

Publicado a 13/04/2017

Fonte: OPEP